“A liberdade é tão linda, mas é preciso saber lidar com ela” (vídeo)

0
1249

Este ano marca o 50º aniversário da Revolução dos Cravos. Para celebrar a data, o MAIS/Semanário entrevistou o balasarense José Alves da Costa, cabo que recusou abrir fogo contra a coluna de Salgueiro Maia. Segundo José Costa, o antes e o depois do 25 de Abril são incomparáveis: “é como estarmos fechados dentro de uma casa sem luz e, de repente, acendem-se as luzes todas e nós ficamos como se fosse dia em todo o lado”.

Até ao 25 de Abril, o MAIS/Semanário vai publicar um conjunto de três vídeos sobre a Revolução dos Cravos, sendo este o terceiro e último.

Pode ouvir a entrevista completa no podcast MAIS/pod