Candidatas da Póvoa de Varzim e Vila do Conde sem entrada direta no Parlamento

0
1793

Depois da vitória renhida da Aliança Democrática nas eleições legislativas de 10 de março, as candidatas Carla Barros (AD), da Póvoa de Varzim, e Sara Lobão (PS), de Vila do Conde, ao lugar de deputado na Assembleia da República, não conseguiram lugar direto no Parlamento.

Carla Barros encontra-se na 15ª posição da lista do Círculo Eleitoral do Porto pela coligação PSD-CDS-PPM, coligação que só assegurou 14 deputados pelo distrito. No entanto, a poveira terá ainda a possibilidade de regressar ao Parlamento, no caso de haver algum entre os 14 eleitos, for convidado para exercer funções governativas ou em direções regionais, o que tem acontecido após outros atos eleitorais.

Por sua vez, Sara Lobão também não conseguiu a eleição. A candidata socialista está na 17ª posição, mas, o PS só conseguiu eleger 13 deputados no Círculo do Porto. Sara Lobão retoma agora o seu lugar de vice-presidente na Câmara Municipal de Vila do Conde, uma vez que, durante a campanha eleitoral, não pode estar a exercer o seu cargo de vice-presidente. Na foto, Carla Barros (à esquerda) e Sara Lobão (à direita).