Conselho de Justiça do Inter-Freguesias confirma 1 ano de suspensão à equipa sénior da Juvenorte

1968

O Conselho Superior de Justiça do Campeonato Inter-Freguesias da Póvoa manteve, esta terça-feira, por unanimidade dos seus membros “negar provimento ao recurso apresentado pela CDC Juvenorte, confirmando-se na íntegra a decisão do Conselho de Disciplina, aplicando-se a pena de não participação na época 2017/2018 no escalão sénior nas provas do campeonato, taça e supertaça organizadas pela AFPPV”, lê-se no comunicado que já está espalhado pelas redes sociais.

A decisão do afastamento da equipa sénior da Juvenorte do futebol popular durante uma temporada é o resultado da falta de comparência dos jogadores da associação do Bairro Norte na cerimónia da entrega da Taça da Póvoa e das medalhas às equipas e jogadores que jogaram a final a 4 de junho. Na altura, o Estela venceu a Juvenorte nos penaltis.

A Juvenorte alega que a saída mais cedo para os balneários sucedeu “porque não existiam condições de segurança devido aos distúrbios que aconteceram no final do encontro e que envolveu jogadores das duas equipas, adeptos e outros responsáveis”.