Fraternidade poveira reelege direção para novo triénio

0
1392

No dia 18 de fevereiro, reuniram-se em Assembleia Geral os associados da Fraternidade Nuno Álvares da Póvoa de Varzim, núcleo nº 11. José Barbosa foi reeleito, por unanimidade, presidente da direção.

A sessão decorreu na sede social localizada na Almirante Reis, e teve como principais pontos da ordem de trabalhos a eleição dos corpos gerentes para o triénio 2018-2020, e a discussão e aprovação do relatório e contas de 2017.

José Barbosa, de 72 anos, vai manter-se na liderança dos destinos da fraternindade, função que ocupa há já 15 anos. O presidente da direção lembra que em 2018 a Nuno Álvares completa 40 anos de existência e que o grande objetivo, além de seguir com as atividades habituais, é o de ter o novo espaço (Quinta do Muro Branco, cedida pelo associado Manuel Agonia e localizada junto ao Hospital Senhor do Bonfim) completamente funcional até novembro, mês em que organizam a festa em honra do seu patrono.

Outro dos desígnios para o novo mandato é o de rejuvenescer o quadro de associados, levar mais e gente, e mais nova, à fraternindade: “Esta foi uma associação criada por pessoas à volta de 40 e 50 anos – isto em 1978 – por isso já se vê que está tudo a precisar de um novo reforço e de ser renovado e é isso que eu e os meus colegas da direção vamos tentar fazer”, revelou José Barbosa.

Nota ainda para a tradicional festa de Natal no Instituto Madre Matilde, com a colaboração de vários sócios e de boa parte do comércio local, especialmente pastelarias. De resto, a fraternidade tem uma relação muito próxima com o instituto, e esta celebração natalícia tem grande valor emocional para as duas entidades.