Investigadora Vilacondense tem o seu nome dado a uma espécie marinha

0
5051
Foto: CIIMAR

Joana Xavier, investigadora do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental da Universidade do Porto (CIIMAR-UP) foi homenageada com o seu apelido ter sido posto a uma nova espécie marinha, que passou a ser apelidada de “Caminus xavierae”.

Esta homenagem foi feita pelo Museu da Evolução da Universidade de Uppsalad (Suécia) e pelo Centro Organográfico das Baleares (Espanha). A investigadora de Vila do Conde tem, agora uma das oito novas espécies marinhas com o seu apelido, pelo trabalho e dedicação com que em 2007, num mergulho em Tenerife, quando recolhia amostras para o seu doutoramento, encontrou a esponja que foi reconhecida como uma nova espécie.

Joana Xavier cresceu na zona piscatória de Caxinas, em Vila do Conde, passou a maior parte da infância e adolescência a explorar a praia, as poças de maré, as suas formas de vida e a imaginar o que estaria para além daquelas linhas: a do horizonte e da superfície do oceano.