Nando imortalizado na antiga ‘meia-laranja’ da Póvoa

0
5554

O multifacetado artista das artes poveiras Fernando Gonçalves, mais conhecido por Nando, tem a partir deste domingo uma estátua instalada na ‘meia-laranja’, no Passeio Alegre, junto da entrada do porto de pesca, onde estão expostos os azulejos, uma das suas obras e que transmite o quotidiano dos poveiros.

Nando, que morreu em dezembro de 2018, completaria este domingo, 2 de fevereiro, 80 anos, e em data de aniversário, foi desta forma homenageado pelo Município da Póvoa de Varzim, que descerrou uma estátua em bronze, que mostra a sua figura a tocar violino, uma das suas muitas características no âmbito cultural.

Na presença de muitos representantes de entidades e associações para com quem o Nando colaborou, a cerimónia contou com a presença dos filhos de Nando e demais familiares.

Para imortalizar o Nando, a obra que personaliza a sua veia artística, terá sempre a tocar os sons do seu violino sempre que alguém se aproximar da estátua.