Obras da Unidade de Saúde e requalificação urbana das Caxinas arrancam ainda em 2024

0
1745

O presidente da Câmara Municipal de Vila do Conde, Vítor Costa falou em reunião, na passada quarta-feira sobre o ponto de situação das obras da Unidade de Saúde das Caxinas, cuja assinatura do contrato de empreitada foi assinada, na semana passada. A obra vai ficar por 2,4 milhões de euros mais IVA e terá c660 dias como prazo de execução 660. Para o edil Vítor é uma das obras importantes que este executivo leva a cabo e que vai ajudar “esta comunidade que é abrangida e servida pela Unidade de Saúde Familiar dos Navegantes com cerca de 14 mil utentes. Sabemos bem das condições atuais do edifício onde está a funcionar esta unidade de saúde familiar”. E continuou, “fomos capazes de incluir essa construção, essa obra no PRR foi uma longa luta diria eu, mas muitíssimo bem sucedida e que esperamos iniciar antes do verão a construção desta unidade de saúde, que tão importante é para a comunidade das Caxinas, da Poça da Barca e, portanto, teremos aqui um equipamento de saúde de excelência a servir toda esta população”.

Ainda na zona das Caxinas, foi aprovada por unanimidade, na última reunião de câmara, a obra de Requalificação Urbana das Caxinas e da Poça da Barca, cujo o concurso, entretanto vai ser lançado ainda esta semana.

O investimento de 4 milhões vai ajudar a garantir a capacidade de drenagem e a total desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais, de forma a evitar as cheias quando há intempéries. A obra de requalificação, segundo Vítor Costa irá tornar aquela área mais segura, acessível e atrativa para os habitantes e visitantes”. A empreitada vai abranger os seguintes arruamentos: Rua das Violetas; Rua das Rosas; Rua das Dálias; Rua da Alegria; Rua dos Mareantes; Rua Infante Santo; Travessia da Poça da Barca e Rua S. Pedro Pescador. Para o presidente da câmara de Vila do Conde “a reabilitação urbana das Caxinas e Poça da Barca é a um dos grandes desígnios deste executivo, fazer a reabilitação urbana das Caxinas e da Poça da Barca é a maior intervenção alguma vez feita em infraestruturas nesta zona”.

A obra iniciará em outubro e tem um prazo de execução de 24 meses.