Obras finalistas do Correntes d’ Escritas

0
1580

Foram divulgadas, na terça-feira, as obras finalistas do Prémio Literário Casino da Póvoa, que será atribuído no âmbito do XXI Correntes d´Escritas, a realizar-se entre os dias 15 e 23 de fevereiro.

O júri, composto por Ana Daniela Soares, Carlos Quiroga, Isabel Pires de Lima, Paula Mendes Coelho e Valter Hugo Mãe, selecionou 15 das 120 obras que se apresentaram a concurso. O vencedor, a anunciar na abertura do certame. receberá um prémio monetário de 20 mil euros. Os finalistas são:

A Transparência do Tempo, Leonardo Padura, Porto Editora;
Bilac vê estrelas, Ruy Castro, Tinta da China;
Cair para dentro, Valério Romão, Abysmo;
Ecologia, Joana Bértholo, Caminho;
Estuário, Lídia Jorge, D. Quixote;
Fabián e o Caos, Pedro Juan Gutiérrez, D. Quixote;
Memórias Secretas, Mário Cláudio, D. Quixote;
Ninguém Espera por Mim no Exílio, João Paulo Sousa, Teodolito;
O Bebedor de Horizontes, Mia Couto, Caminho;
O Centro do Mundo, Ana Cristina Leonardo, Quetzal;
O Invisível, Rui Lage, Gradiva;
O Nervo Ótico, Maria Gaínza, D. Quixote;
Pátria, Fernando Aramburu, D. Quixote;
Sua Excelência, de Corpo Presente, Pepetela, D. Quixote;
Também os brancos sabem dançar, Kalaf Epalanga, Caminho;