PCP protesta encerramento de valência na urgência do Hospital da Póvoa

0
1278

A Comissão Concelhia da Póvoa de Varzim do PCP promoveu, no sábado, uma concentração de protesto que reuniu dezenas de pessoas contra a decisão de encerrar nas madrugadas do serviço de urgência médico-cirúrgica do Hospital da Póvoa.

Para o partido, “não é novo este ataque ao Centro Hospitalar Póvoa de Varzim/Vila do Conde e o PCP os poveiros não aceitam o encerramento rotativo da urgência. Depois de já ter encerrado serviços por diversas ocasiões, o caminho para um encerramento definitivo de valências continua e tem de ser travado”.

No protesto, participaram André Gregório, membro do executivo da DORP/PCP, João Miguel Martins, eleito da CDU na Assembleia Municipal da Póvoa de Varzim, e Jorge Gomes, da Comissão Concelhia de Vila do Conde.

“À semelhança de opções anteriores, o Governo PS terá do PCP e da população dos concelhos da Póvoa de Varzim e Vila do Conde forte oposição. Foi com essa luta que se travou o encerramento da urgência e de valências, que se conseguiram as verbas para o arranque das obras que este governo tenta atrasar, se dotou o Centro Hospitalar de mais meios e será com esta luta que se travará intenções de destruir um serviço de referência e qualidade para o país e a região”, indica o PCP.