Opinião: Póvoa Andebol Clube está orgulhoso dos últimos feitos

0
1814

Foi com enorme orgulho e alguma vaidade que no passado sábado o Clube festejou mais uma presença na Final Four da Taça de Portugal. Foi um jogo histórico para o Póvoa Andebol! Recuperar de uma desvantagem de 10 golos na primeira parte, conseguir levar o jogo a prolongamento e por fim ganhar o jogo em livres de 7 metros foi surreal. Todo o Clube, que ainda estava em recuperação dos festejos da vitória de há duas semanas que garantiu a manutenção na primeira divisão e a luta por um lugar nas competições europeias, voltou a sorrir e a celebrar com euforia mais uma grandiosa conquista.

Estou em crer que nem toda a gente estará bem ciente da importância e da grandiosidade desta vitória. Por um lado, para um Clube com a dimensão do Póvoa Andebol estar, pelo segundo ano consecutivo e pela terceira vez na história do Clube, numa Final Four da Taça, é algo surpreendente, pois estamos a falar de um Clube com poucos anos de existência e apenas no 4º ano na primeira divisão nacional. Por outro lado, vemos que só com muito mérito, competência e muita capacidade de trabalho foi possível voltarmos a marcar presença entre as quatro melhores equipas de Portugal. Cada vez mais, somos um Clube consolidado entre o topo do andebol português, sendo já uma referência a nível nacional. Neste momento, já é apetecível para os jogadores virem jogar para o nosso Clube porque acreditam no nosso projeto desportivo. Todos os praticantes e adeptos da modalidade conhecem o Póvoa Andebol e consequentemente vão conhecendo a Póvoa de Varzim. Não é só o nome do Clube que vai estar junto com um FC Porto ou um Sporting CP a disputar a Final Four, vai ser também uma cidade que vai estar representada a nível nacional. É neste momento que refletimos e começamos a perceber que o Clube está a lutar de igual para igual com outros clubes que possuem orçamentos bem superiores. Estamos a lutar contra clubes que têm mais de 100 anos de existência e com uma estrutura muito sólida. Após estas conquistas e este sucesso, o nosso valor tem de ser reconhecido.  Repito, mais uma vez, é histórico e é de louvar o que o Póvoa Andebol tem vindo a fazer a nível desportivo e a nível da modalidade.

Tudo isto só é possível graças a todos aqueles que nos apoiam e nos deixam sonhar. E neste caso, não me refiro apenas aos patrocinadores, com os quais mantemos uma relação saudável e benéfica, que nos permitem continuar a lutar ao mais alto nível. Nem me refiro só ao grande apoio e condições que a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim nos proporciona, mas também a todas as pessoas que vivem este Clube. Todos aqueles que disponibilizam o seu tempo em prol do Clube sem pedirem nada em troca e que a qualquer momento estão prontos para nos ajudar.

Ano após ano, o número de atletas da formação aumenta. É algo que nos motiva para continuar a trabalhar, mas também nos assusta um pouco, pois ainda não temos um pavilhão próprio que nos permita dar as melhores condições de treino aos nossos atletas. É um projeto que temos vindo a construir e esperamos que, num futuro muito próximo, seja viável a construção do nosso tão desejado pavilhão. As expectativas para o Póvoa Andebol estão cada vez mais altas e com isso aumenta também a responsabilidade de as conseguirmos cumprir. Temos vindo a crescer muito e rápido e para isso continuar a acontecer de forma sustentável é necessário um maior apoio. Por isso, reitero que todos os que se queiram juntar ao Clube e fazer parte desta família serão bem-vindos. Há espaço para todos.

Termino, dizendo que todos se deviam orgulhar do Póvoa Andebol, que todos os dias trabalha para se manter na elite da modalidade em Portugal e para continuar a representar tão bem esta cidade e a colocá-la sempre nos maiores palcos a nível nacional.

Pedro Castro Lopes – Team Manager e Diretor do Póvoa Andebol