Praias da Póvoa com restrições: Aires Pereira admite mais fiscalização e que concessionários podem perder receitas

0
4345

Após as declarações do primeiro-ministro António Costa que no próximo verão “haverá restrições nas praias”, Aires Pereira, presidente da Câmara da Póvoa de Varzim, disse este sábado à Rádio Observador, que o Governo “basta dar instruções à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) para na altura em que estiverem a fazer os editais de praia, condicionar as ocupações de verão e do domínio publico que há todo o ano com as concessões e também as esplanadas”, e explica que sendo as praias da Póvoa de Varzim “muito procuradas, fundamentalmente entre 15 de julho e o final do mês de agosto, o sr. primeiro ministro dispõe de instrumentos necessários para fazer cumprir essa sua determinação”.

O autarca refere que “são praias com concessões, sujeitas a um edital de praia que limita o que pode ser a ocupação de praia sob o ponto de vista das barracas, ou seja do espaço concessionado, quer do ponto de vista da praia livre” e adianta que “as autarquias que há muito vêm reclamando a isenção de puderem ter responsabilidades na administração desta parte do território e que compete à APA e a fiscalização à Polícia Marítima e terá que haver um reforço de meios, quer seja através dos fuzileiros ou dos polícias marítimos para intensificar essa fiscalização, que eu temo nos períodos de maior calor que as pessoas que veem de muitos lados, seja difícil controlar o acesso e o numero de pessoas que vão estar em permanência nas praias”.

Aires Pereira, disse também que “enquanto não houver uma vacina, vamos estar sujeitos a estas condicionantes e o Primeiro-ministro, como o povo diz tem a faca e o queijo na mão para fazer as determinações necessárias para condicionar o acesso às praias concessionadas, e era importante que seja tomada cedo a decisão porque os concessionários têm de contratar nadadores salvadores e outros meios, e a praia com menos gente corresponde a uma perda de receita e os concessionários têm que refletir sobre a época balnear”.

Para ouvir declarações do presidente da Câmara da Póvoa em: https://observador.pt/programas/resposta-pronta/restricoes-nas-praias-pm-tem-faca-e-queijo-na-mao/?fbclid=IwAR208UOulLDkAm4fSa4lO5odT-XyRiJ-SoSjGfhJJBjWn1CSWWtnGzntTIg