Revista Poveira recorda figuras e momentos da Póvoa antiga com humor

0
4777

No passado sábado, pelo palco do Cine-Teatro passaram várias encenações, entre as quais: um barbeiro do antigamente, as galinheiras no antigo mercado, com frangos pelas ruas, uma sátira na igreja e os santos populares foram alguns dos elementos postos em destaque, sempre com humor e referências poveiras à mistura.

António Pereira afirmou que a peça “correu dentro do previsto com a casa cheia, o Cine-Teatro estava lotado”. Esta é já a 29ª revista que o autor escreve e coloca em cena, tendo já passado diversas vezes pelo Garrett, pelo Casino e também por outros palcos do concelho.

António Pereira revelou que o seu gosto pelo teatro nasceu aquando da sua estadia em Lisboa, na vida militar. Lá teve contacto com as peças do Parque Mayer e no Coliseu e foi aí que nasceu o ‘bichinho’. Desde que veio para a Póvoa, nos anos 90, tem escrito e posto em cena uma ou duas peças por ano, pretendendo continuar com essa tradição.