Vila-condense suspeito de tráfico de crianças julgado em junho

0
2255

Tem julgamento marcado para junho um casal detido no Porto em 2018 suspeito de vender quatro filhos por 89 mil euros. Está em causa o crime de tráfico de seres humanos, disse esta quarta-feira fonte judicial à Lusa. O homem, 45 anos, é construtor civil e reside em Vila do Conde.

O Ministério Público considerou indiciado que os dois “mantinham entre si uma relação amorosa, tendo decidido gerar filhos e vendê-los a casais que neles estavam interessados”, não só portugueses como outros europeus.

Os dois arguidos levaram o plano à prática entre 2011 e 2017, “gerando três filhas e um filho, que entregaram a três casais, a troco do montante global de 89.000 euros”. As crianças teriam entre 1 e 7 anos.

Após o nascimento, a criança era registada civilmente, atribuindo-se a maternidade à arguida e a paternidade a um dos elementos do casal adquirente.

“De seguida, a arguida e o pai registal celebravam entre si acordo de regulação do exercício das responsabilidades parentais, ficando este último com o exercício exclusivo dessas responsabilidades”, cita a mesma fonte.