Juvenorte não vai receber subsídio de São Pedro

0
5788

A Juvenorte não irá receber qualquer parte do subsídio camarário de 60 mil euros que estava destinado aos seis bairros da Póvoa de Varzim a propósito do São Pedro. A decisão, de acordo com dados recolhidos, pertenceu aos representantes dos cinco bairros (Regufe, Mariadeira, Belém, Sul e Matriz) em reunião realizada no dia 8 de julho, que contou também com a presença do presidente da autarquia Aires Pereira.

A reunião aconteceu conforme indicação da autarquia, e que “serão os próprios bairros a decidir quem deve receber”, disse na altura, a 7 de julho, Aires Pereira. Pode ver aqui https://maissemanario.pt/bairros-povoa-divisao-subsidio-sao-pedro/

A penalização à associação do bairro norte da cidade surge porque, não terá cumprido uma regra que tem a ver com a pandemia: não fazer manifestações públicas. Ora, a Juvenorte gravou, nas traseiras da bancada norte do Estádio do Varzim, um vídeo de dança com alguns elementos da rusga, a lembrar a presença do bairro no tradicional espetáculo das rusgas, que devido à covid-19 não teve lugar.

Segundo foi possível apurar, os bairros Sul e Matriz devem receber cerca de 13 mil euros, e os restantes Regufe, Mariadeira e Belém na ordem dos 8 mil.

O MAIS/Semanário contactou todos os representantes dos 5 bairros que tomaram a decisão. No entanto escusaram-se a comentar oficialmente o assunto. José Moita, presidente da Juvenorte “não pretende por agora pronunciar-se sobre o tema”.

Na foto, a alegada presença de 16 componentes da Rusga do Bairro Norte junto ao estádio do Varzim em altura de restrições da Covid-19.