Mais de 81% dos utentes admitidos na urgência da Póvoa na última semana já eram referenciados

0
1435

A Unidade Local de Saúde da Póvoa de Varzim/Vila do Conde (ULSPVVC) revelou, nesta quarta-feira, que 81,6% dos utentes que procuraram o serviço de urgência da ULS foram admitidos já previamente referenciados. O número foi apontado numa nota de imprensa, que faz o balanço da primeira semana da 2ª fase do projeto-piloto ‘Ligue Antes, Salve Vidas’.

De acordo com a ULSPVVC, no período homólogo de 2023 estiveram nestas circunstâncias 41,6% dos utentes. Já na 1ª fase do projeto, o número chegou aos 56,8% dos utentes. Nesse sentido, a nota indica que os resultados do projeto-piloto até agora “atingiram amplamente os objetivos e traçam tendência consistente”.

“Ao longo da 1ª semana, foram efetuadas, a partir do telefone instalado para o efeito no serviço de urgência, com ligação direta à Linha SNS24, cerca de 30 chamadas diárias, tendo os utentes sido encaminhados para o nível de cuidados de saúde adequados à situação clínica de cada um, privilegiando lógicas de conforto, qualidade e segurança”, lê-se no comunicado.

Nestes primeiros dias da 2ª fase do projeto, 32,7% dos utentes foram triados com cor verde ou azul, “muito abaixo da percentagem da primeira fase do projeto-piloto (36,4%), bem como, também, da margem percentual registada no mesmo período do ano transato (37,8%), inferindo-se que estão a ser assimiladas noções e conceitos, no contexto da literacia em saúde”, refere a ULSPVVC.

De referir, também, que foi registada uma redução do número total de episódios de urgência de adultos durante a última semana: 40 utentes, ou seja, menos 5,1% do que no período homólogo de 2023.

Lembre-se que o projeto-piloto ‘Ligue Antes, Salve Vidas’ começou a ser implementado em maio de 2023 e pressupõe que o atendimento no serviço de urgência do hospital da Póvoa tem de ser sempre precedido pela referenciação do utente através de uma das seguintes alternativas: Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU/INEM), Linha SNS24, Cuidados de Saúde Primários, médico(a) (com base em informação clínica assinada) ou outra instituição de saúde.