Parques fechados e polícia atenta para travar intenções de piqueniques no dia do Anjo

3077

O dia de segunda-feira de Páscoa é uma “realidade muito singular entre Póvoa de Varzim e Vila do Conde”, disse Aires Pereira, presidente da Câmara da Póvoa de Varzim, mas devido ao estado de emergência assegurou que a PSP e Polícia Municipal “têm uma operação preparada para evitar as deslocações que não sejam essenciais”.

O autarca deixa um aviso, sobretudo para o chamado dia do Anjo: “Este ano não há segunda-feira de Páscoa. Todos os parques públicos estarão encerrados, nomeadamente o Parque da Cidade e as zonas de Argivai. Pede-se às pessoas contenção, que não saiam de casa e que não se dirijam aos sítios habituais. A polícia vai estar atenta e em permanência a verificar esses lugares. Não será permitido qualquer comportamento de risco. Não há piqueniques para ninguém nesse dia”.

Por sua vez, Elisa Ferraz, presidente da Câmara Municipal de Vila do Conde, reconheceu que estas restrições não são implementadas de ânimo leve, sobretudo por terem lugar durante a Páscoa, mas diz que é a melhor decisão para o bem de todos. Também no concelho vizinho estão proibidos os piqueniques.