Pescador com suspeita de coronavírus retido em barco no porto de pesca da Póvoa

5365

Um pescador, de cerca de 30 anos e de origem indonésia, está isolado desde o meio-dia desta quarta-feira, no interior de uma embarcação de pesca, no porto da Póvoa, aguardando a chegada de elementos da Direção Geral de Saúde, para avaliar a situação.

Contactado pelo jornal MAIS/Semanário, José Festas, presidente da Associação Pro Maior Segurança dos Homens do Mar (APMSHM), confirmou a situação de suspeitas e informou que já foram acionados os meios de saúde e da capitania.

A situação também foi confirmada por José Marques Coelho, comandante da Capitania do porto da Póvoa de Varzim, e explicou que “terá havido uma falha de comunicação com a linha do SNS 24 e ficaram à espera do despiste”.

Os seus companheiros de pesca, mais de uma dezenas, foram autorizados a sair da embarcação, encontrando-se no cais a aguardar decisão das autoridades.

Para combater o coronavírus FIQUE EM CASA.