Vila do Conde em ‘alerta’ e Póvoa de Varzim nos concelhos de risco ‘elevado’ com recolher obrigatório

A Póvoa de Varzim já faz parte do grupo dos concelhos de risco ‘elevado’, num patamar onde se encontram 43 municípios a nível nacional. Isto quer dizer que: ou voltou a ter uma incidência superior a 120 ou então ultrapassou os 240. A semana passada a Póvoa estava em situação de ‘alerta’.

Vila do Conde, por sua vez, integra agora a lista dos municípios em ‘alerta’, isto é, já tem uma incidência acima dos 120.

Assim sendo, e conforme reiterou hoje fonte do Governo após a reunião do conselho de ministros, a Póvoa de Varzim vai passar a ter regras específicas.

-Teletrabalho obrigatório quando as funções o permitam
-Restaurantes, cafés e pastelarias até às 22h30 (no interior, com um máximo de 6 pessoas por grupo; em esplanada, 10 pessoas por grupo)
-Espetáculos culturais com os mesmos horários da restauração
-Comércio a retalho até às 21h
-Limitação da circulação na via pública a partir das 23h nos concelhos de risco elevado e muito elevado