Fitas ao longo da praia da Póvoa impendem permanência durante a noite

5554

A fiscalização e medidas de prevenção de segurança já começam a ser vistas na Póvoa de Varzim, neste fim de semana prolongado, que seria para festejar o São Pedro, não fosse a pandemia da covid-19.

Já é visível a colação de fitas da Proteção Civil (foto) para interditar o acesso às praias poveiras. Entre as 20h de hoje e as 8h da manhã de domingo e noite seguinte, no mesmo horário, não será permitido permanecer no areal ao longo da costa em todo o concelho.

Esta é uma das medidas implementadas pela Câmara Municipal, que decidiu também não autorizar qualquer festejo na rua. Por isso, não será possível realizar, na via pública arraiais, festas, reuniões de amigos e jantares-convívio, como não está autorizada a colocação no exterior de sistemas de som, mesas, cadeiras e equipamentos de exposição e confeção de alimentos, nomeadamente grelhadores, assadores e fogareiros. Não está autorizado a realização de concertos, atuações de dj e espetáculos de pirotecnia ou fogo-de-artifício

Também a partir das 19h de sábado e domingo têm que encerrar os cafés, pastelarias, padarias, lojas de conveniência, quiosques e outros de atividade similar, enquanto os restaurantes e esplanadas dos estabelecimentos de restauração e de bebidas terão de fechar a partir das 23h.

A Câmara da Póvoa apela que durante o fim de semana prolongado, as pessoas se protejam, fiquem em casa e para a necessidade de saída à rua, que as pessoas possam usar a máscara e promovam o distanciamento social.

Assim, no sentido do cumprimento das medidas da autarquia, será reforçado no fim de semana a vigilância através do reforço das forças policiais: PSP, Polícia Marítima, GNR, Polícia Municipal e Proteção Civil.

Com este S. Pedro confinado, os 6 bairros optaram por apenas divulgarem as suas ações através dos meios digitais, com novidades para o final da tarde e noite de domingo.

Foto José Alberto Nogueira