Igreja Matriz de Vila do Conde foi assaltada com prejuízo de milhares de euros

0
2349

A Igreja Matriz de Vila do Conde foi assaltada na noite de 2 para 3 de julho, terça para quarta-feira. A informação é avançada pelo jornal Terras do Ave, que confirmou a situação junto do prior Paulo César Dias.

Fonte policial adiantou à mesma publicação que os assaltantes estroncaram aportas e armários e causaram diversos estragos em lampadários, objetos de culto, caixas de esmolas e cofres – a arte sacra escapou.

Segundo o prior da Paróquia de S. João Baptista, das caixas de esmolas terão desaparecido “talvez quatro mil euros”. O montante elevado foi acumulado devido às recentes festas de S. João, e iria ser depositado no banco na manhã posterior ao assalto.

Diz o Terras do Ave que “o pároco pensa que o resto da destruição causada pelo vandalismo dos assaltantes possa ascender a 10 mil euros”.

A Câmara Municipal de Vila do Conde já terá apoiado a paróquia no sentido de repor as condições de segurança da Igreja e garantiu que será feita pressão sobre os organismos estatais para que seja possível reforçar os sistemas de segurança e de vigilância com meios eficazes.