A Póvoa de Varzim em fotografia para ver até no Garrett até 14 de agosto (fotos)

0
940

Uma exposição fotográfica sobre a Póvoa de Varzim, do tempo da vila até à atual cidade, foi inaugurada na tarde de sábado, no âmbito das comemorações do Dia da Cidade, que se assinala este domingo. O autor da mostra, o médico Rui Faria (2º à esquerda na imagem), explica que as fotos “servem para reviver a Póvoa e compor a história”.

Na sala de Atos do Cine-Teatro Garrett, estão expostas 105 fotografias, das quais 100 do autor, salientou Rui Faria, que destacou a existência de uma foto quase centenária, dos anos 30 do século passado.

A exposição intitulada “…Anda ver o meu país de Marinheiros…”, contou com a presença de Macedo Vieira, presidente da Comissão para as comemorações dos 50 anos da elevação da Póvoa a Cidade, considerou que o autor da exposição “é uma pessoa que gosta daquilo que faz e conhece a história da Póvoa”, enquanto Aires Pereira, presidente da Câmara, sublinhou que a mostra “ajuda a refletir sobre a mudança que aconteceu na cidade e concelho”.

A exposição, que estará aberta ao público até 14 de agosto, contou com a declamação da Ladainha das Lanchas, de António Nobre, pelo diseur Aurelino Costa, acompanhado à guitarra por Carlos Costa, entre as dezenas de pessoas que lotaram o espaço.