Compensação de aulas no Carnaval, na Páscoa e no final do ano letivo

O ministro da Educação anunciou esta quinta-feira um reajustamento do calendário escolar, retirando dias às pausas letivas que estavam marcadas para o Carnaval e Páscoa. No Carnaval não haverá pausa e na Páscoa as férias letivas serão encurtadas.

O governante confirmou que será ainda acrescentado uma semana ao ano letivo, e sublinhou que as aulas, mesmo que à distância, estão também suspensas no ensino particular.

Tiago Brandão Martins recordou a determinação adotada em Conselho de Ministros de “proceder à interrupção de todas as atividades letivas” entre sexta-feira, 22 de janeiro, e sexta-feira, 05 de fevereiro”. O regresso às aulas para já está previsto para 8 de fevereiro.

Colégios também param

A maioria dos colégios estava preparada para o ensino à distância, disse o diretor da Associação de Estabelecimentos do Ensino Particular e Cooperativo (AEEP), Rodrigo Queirós e Melo, mas o ministro da Educação avisou que os colégios não têm o mesmo grau de autonomia de universidades e politécnicos e que a decisão aprovada em Conselho de Ministros “é clara”: “Todas as atividades letivas estão interrompidas”.