“Criar uma manta única cultural que cubra todo o concelho”

634

O Correntes d’Escritas volta a assumir no mês de fevereiro, entre os dias 15 e 23, um papel de relevância na Póvoa de Varzim, no país, na península ibérica e em diversos outros países espalhados pelo mundo, alguns dos quais com a presença de escritores.

O vice-presidente da Câmara e vereador da Cultura, Luís Diamantino, antecipou ao MAIS/Semanário, em entrevista, aquilo que vai ser o festival literário deste ano.

Leia a entrevista completa na versão impressa do MAIS/Semanário desta semana