Furo em barco poveiro ao largo de Sagres

1324

Foram resgatados sem ferimentos os 7 tripulantes poveiros e vila-condenses da embarcação Luzé, que afundou ao largo de Sagres, Algarve, após ter sofrido um furo na zona da casa das máquinas. Foi na madrugada de quarta-feira.

“Pelas 03h35 recebi um telefonema do mestre da embarcação [José Lourenço, Póvoa de Varzim] a dizer que a mesma se estava a afundar a 1.5 milhas da costa (2.4 quilómetros)”, descreveu José Festas, presidente da Associação Pró-Maior Segurança dos Homens do Mar.

“Ativámos os procedimentos de auxílio e, ainda antes das 04h, os tripulantes lançaram-se para a balsa disponibilizada pela Pró-Maior. Estiveram cerca de hora e meia na balsa até serem resgatados pela embarcação Lagoal”, fez saber, dando conta de uma operação de salvamento “impecável”.

Os 7 pescadores regressam à Póvoa de Varzim, onde a embarcação está matriculada, ao final da manhã desta quarta-feira.