Pavilhão da Póvoa cheio no triunfo da seleção de futsal

1095

A 1ª jornada da Ronda de Elite de Apuramento para o Mundial de Futsal da Lituánia, encerrou com o empate da Finlândia com a Itália a duas bolas, e a vitória de Portugal sobre a Bielorússia por 2-1. Um jogo em que Portugal acabou por sofrer um golo em cima do intervalo, mas que na 2ª parte inverteu o marcador a seu favor. O empate surgiu ao minuto 28 por Fernando Cardinal, tendo Tiago Brito apontado o golo da vitória a 8m do final do encontro.

Tiago Brito, precisamente, fez assim a sua análise: “Um jogo à imagem do que tínhamos programado: difícil e contra uma excelente seleção. Foi uma partida de emoções fortes em que estivemos atrás do resultados na maior parte do tempo. Demos a volta e demonstrámos espírito de entreajuda”. Já o público poveiro “foi um apoio muito grande. Podemos contar sempre com eles”.

O selecionador Jorge Braz acrescentou: “Entrámos muito bem e podíamos ter criado uma margem de conforto. Não aconteceu e o adversário foi-se mantendo no jogo. Depois, num erro nosso, permitimos a transição da Bielorrússia que acabou por fazer o primeiro golo. Estas equipas são inteligentes e sabem gerir a partida, sem bola e com jogo direto. Ainda assim, ir para o intervalor a perder por 0-1 não nos pode preocupar exageradamente. É uma questão de corrigir pequenos detalhes e continuar a construir de forma organizada. A nossa vitória não tem discussão”.

Sobre os adeptos, aludiu a outras fases de qualificação de boa memória: “Já fomos felizes na Póvoa e neste pavilhão. Esta noite foram fantásticos e os jogadores sentiram. Muito obrigado a eles”.

A seleção joga contra a Finlândia hoje às 20h30, e contra a Itália a 2 de fevereiro às 17h30.

O acesso ao mundial será garantido pelo primeiro classificado e pelos vencedores do play-off entre os quatro 2º classificados.