Ciclista vila-condense vai representar Portugal nos Jogos Olímpicos

Raquel Queirós, atleta do Guilhabreu BTT, é um dos quatro nomes escolhidos pelos selecionadores nacionais de ciclismo para representar Portugal nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, entre 23 de julho e 8 de agosto. A convocatória foi revelada esta terça-feira, sendo que o poveiro Rui Costa não foi chamado.

Raquel tem 21 anos e é natural de Vila do Conde. Será a sua estreia nos JO, algo que acontecerá a 27 de julho na modalidade de BTT.

 À Federação Portuguesa de Ciclismo, reagiu: “Estou muito feliz por chegar tão jovem a esta competição com que sempre sonhei. Mas, mais do que o final de um processo, acredito que pode ser o começo de algo muito bonito. Vou a Tóquio para continuar a minha aprendizagem, porque sou uma sub-23 que vai correr contra a elite. Vou dar o meu máximo e o resultado logo se vê”.

A outra atleta feminina é Maria Martins, de Santarém.

Atletas masculinos nas provas de fundo e no contrarrelógio
José Poeira, selecionador nacional de estrada, tinha de escolher dois nomes para competir tanto na prova de fundo como no contrarrelógio. Chamou João Almeida e Nelson Oliveira pelas características da competição, motivo pelo qual poderá não ter incluído o nome de Rui Costa:


“Vamos trabalhar para conseguir estar na discussão do contrarrelógio e da prova de fundo. Os percursos adequam-se aos nossos corredores, mas falta saber que adversários teremos e em que condições se apresentarão. Ambicionamos, pelo menos, o Diploma Olímpico, sabendo que no contrarrelógio esse é um objetivo realista para o Nelson e para o João, dado que o percurso é muito exigente, favorecendo os portugueses em relação aos contrarrelogistas com características de roladores”.