Covid-19: Póvoa de Varzim e Vila do Conde passam a situação de alerta

34700

Póvoa de Varzim e Vila do Conde, tal como a generalidade de Portugal continental (excetuando partes de Lisboa), entram esta quarta-feira em situação de alerta, depois da calamidade que é considerada mais grave. O país deverá manter-se assim até que a pandemia esteja ultrapassada.

Que não cumprir as determinações, poderá pagar multas dos 100 aos 500 euros para pessoas singulares e de 1000 a 5000 euros para entidades. As medidas são:

  • Confinamento obrigatório domiciliário ou hospitalar para pessoas infetadas com covid-19 ou sujeitas a vigilância ativa.
  • Mantêm-se as regras de distanciamento físico, uso de máscara, lotação, horários e higienização.
  • Ajuntamentos limitados a 20 pessoas.
  • Proibição de consumo de álcool na via pública.

Foto arquivo José Alberto Nogueira