Detido terceiro suspeito de roubo à mão armada na marina da Póvoa de Varzim

Esta quinta-feira, a Polícia Judiciária do Norte deteve na Póvoa de Varzim um indivíduo “fortemente indiciado” pela prática de roubo agravado e burla informática.

Em causa está um crime ocorrido a 29 de março do ano passado, quando, pelas 22h, três suspeitos roubaram um homem que havia marcado um encontro com uma mulher, sua conhecida, junto à marina da Póvoa de Varzim.

No local, a vítima foi surpreendida por três homens que, mediante a ameaça com armas de fogo, se apropriaram dos bens e do dinheiro desta.

Os outros dois suspeitos do crime já tinham sido detidos, um em novembro do ano passado, outro no mês passado. Foi agora possível deter o terceiro elemento que se encontrava sem paradeiro certo.

O detido, de 21 anos de idade, desempregado, e já com várias referências criminais por crimes contra a propriedade, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.