Detidos por assalto à mão armada a dono de bomba de gasolina

1207

A Polícia Judiciária, através da diretoria do norte, identificou e deteve três homens pela presumível autoria de roubo agravado, ocorrido no dia 2 de maio do corrente ano em Amorim, Póvoa de Varzim, revelou a PJ em comunicado.

Os arguidos intercetaram o proprietário de um posto de abastecimento de combustíveis quando este circulava numa viatura automóvel para depositar dinheiro numa instituição bancária daquela cidade e, mediante ameaça de arma de fogo, obrigaram-no a entregar todo o dinheiro que levava para depósito.

As detenções ocorreram em dois momentos distintos, tendo duas sido efetuadas no passado mês de outubro e a terceira no dia de ontem, ficando, assim, desmantelado o grupo que terá cometido o roubo.

No decurso das diligências, foi possível apreender aos três detidos cerca de trinta mil euros em numerário, 9 kg de haxixe, vários objetos relacionados com a atividade de tráfico de estupefacientes, telemóveis e viaturas.

Os dois primeiros detidos, com idades compreendidas entre os 31 e os 56 anos de idade, sem profissão e com antecedentes criminais, foram oportunamente presentes às autoridades judiciárias competentes, ficando um a aguardar julgamento em prisão preventiva e outro com apresentações diárias às autoridades policiais.

O último detido, de 31 anos de idade, sem profissão e com antecedentes criminais, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.