Dragagens nos portos de pesca da região concluídas até final de janeiro

As dragagens nos portos de Póvoa de Varzim e Vila do Conde irão estender-se até ao final do mês de janeiro, fez saber o Ministério do Mar em comunicado esta semana.

As dragagens iniciaram-se no início de dezembro de 2020, após procedimento lançado pela Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos no valor de 1 milhão de euros, estando previsto retirar “mais de 220 mil metros cúbicos de inertes dos dois portos e colocados na deriva litoral, de forma a permitir a realimentação de areia nas praias a sul”, continua a mesma fonte.

No caso de Vila do Conde, está também a ser dragada toda a área dos estaleiros navais da Azurara, servindo quatro importantes empresas de construção e reparação naval.

O objetivo destas intervenções, além de aumentar as condições de segurança nas duas barras e no interior dos portos. Além disso, também vai permitir “melhorar a operacionalidade” dos dois portos e, simultaneamente, “combater a erosão costeira”.

Foto Ministério do Mar