Município rejeita “produção industrial” da Camisola Poveira e fixa preço

Foram afixados pela autarquia os preços de venda das camisolas poveiras – na plataforma Marketplace e no Posto de Turismo – produzidas pelos artesãos da Associação Amigos do Museu. Os preços variam entre 84 e 99 euros, dependendo do tamanho, sendo que o valor reverte integralmente para os artesãos.

“É preciso reforçar que cada camisola original demora 50 horas a ser feita, e, por isso, não será possível aceder desde logo a todos os pedidos que temos, que são já mais de 300 de diferentes partes do mundo. Não iremos alterar – nem adulterar – o método tradicional de execução, que será validado mediante etiqueta própria. Ou seja, não haverá produção industrial para satisfazer a procura”, ressalvou Aires Pereira, presidente da Câmara Municipal no final da reunião de executivo de terça.

No próximo sábado à tarde, na inauguração do centro empresarial no centro de transportes, “iremos avançar com a criação do Centro de Formação da Camisola Poveira. Temos um protocolo com o IEFP para ministrar os cursos”, conclui.