Pesca da sardinha: ministra anuncia aumento na quota

1065

O Governo aumentou a quota de pesca da sardinha em 25%, o que permitirá aos pescadores capturarem este ano mais 4.000 toneladas e manterem a faina até outubro, anunciou esta quinta-feira em Peniche a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino.

A governante divulgou que “a biomassa cresceu 24% e nós tomámos a decisão de aumentar a quota em 25%”, permitindo “manter a pesca da sardinha até outubro”.

Inicialmente estava prevista a pesca de 2.181 toneladas, ao qual acresce agora mais 1.800 toneladas de sardinha que os pescadores vão poder pescar.

De acordo com a ministra, os valores agora estabelecidos “mantêm a margem de segurança”, mas permitem aos pescadores não precisar de reduzir os volumes de captura e garantir a atividade até outubro.

Em vigor mantém-se a interdição da pesca da sardinha às quartas-feiras e os limites diários de captura.

O valor estabelecido é 1.012 quilos (45 cabazes) para embarcações com comprimento igual ou inferior a nove metros, 2.124 quilos (90 cabazes) para barcos com comprimento superior a nove metros e inferior ou igual a 16 metros, e de 3.036 quilos (135 cabazes) para embarcações com comprimento superior a 16 metros.