Fricon assinala 45 anos e projeta expansão do negócio

0
1631

A ampliação da unidade localizada em Touguinha e a criação de mais postos de trabalho são dois dos vários objetivos da Fricon para o crescimento do negócio. As ambições foram apontadas esta sexta-feira, dia em que a empresa assinala 45 anos da sua fundação, numa festa que contou com a presença da administração e dos seus colaboradores.

Ao convívio que serviu “para homenagear e agradecer, junto dos seus”, teve lugar numa unidade hoteleira do concelho da Póvoa de Varzim, em que se associou Elisa Ferraz, presidente da Câmara de Vila do Conde, tendo oferecido a Isabel Azevedo, presidente da Administração da Fricon, o símbolo da rendilheira vilacondense, pela importância e dinamismo que representa esta atividade para o concelho.

A empresa direcionada para equipamentos de frio, conta com 115 mercados espalhados pelo mundo e projeta o seu negócio “de Touguinha para o mundo”, como referiu Hércules Zurita, diretor-geral. Possui 260 funcionários em Portugal e 900 no Brasil, e prevê no seu plano de negócios com a futura ampliação das suas instalações, aumentar “em cerca de 10% a criação de novos empregos”, adiantou o mesmo responsável da empresa.

Hércules Zurita explicou, ainda, que o crescimento tornará viável a produção “de 24 unidades por hora de uma linha de supermercado”, atualmente limitada a 12 unidades.

Neste seu 45º aniversário, a Fricon revelou ainda que este ano será lançado o programa de Bolsas de Mérito Académico “Artur Martins Azevedo”, fundador da empresa, sendo que a iniciativa é direcionada aos melhores alunos do 12º ano do concelho de Vila do Conde. Em paralelo, a Fricon terá uma Bolsa para alunos do quadro de excelência direcionada aos filhos dos seus colaboradores, com candidaturas para o ano de 2021/2022.

Na foto, Elisa Ferraz, presidente da Câmara de Vila do Conde, acompanhada por Pedro Gomes, vice-presidente, distinguem a Fricon, na pessoa da administradora Isabel Azevedo.